Arquivo da tag: Morte vida tributo anor tataravó família partida espiritualidade

Adeus vovó Tonica

Olhei pela janela e lá estava a lua mais brilhante que já vi. Pego o celular pra ver a hora: descubro que perdi o sono às 3h00 e perdi também a minha bisavó, algumas horas antes. A nossa rainha, matriarca da família, dona de uma paciência e um coração sem igual, partiu pra um outro plano.

Eu disse perdi? Bem, acho que quem conhece a vovó Tonica sabe que com ela não está se perdendo nada. Aqui nessa vida foi quase um século de luz sem limites saindo daquele coraçãozinho – que há muito andava fraco (ora, como sair ileso de tanto amor?). Sua presença sempre foi uma honra, seus sorrisos acalentadores, sua hospitalidade perfeita e a serenidade invejável.

Na nossa última visita ela estava risonha, falava alto de um jeito que nunca a vi falar. O corpo estava terminando a jornada e a alma parecia de criança, se preparando pra uma nova vida. Cercada de muito amor, dos mais leves aos mais dramáticos, a vovó deixa um legado maravilhoso de paciência e perseverança, além de uma saudade danada em todos os filhos, netos, bisnetos e tataranetos – Que orgulho ela tem dessa família enorme!

A lua hoje tem a honra de presenciar o retorno aos céus da minha bisavó, Dona Antônia, nossa eterna Tonica. Viveu e nos trouxe à vida com a alma recheada de simplicidade e sabedoria. Cumpriu sua jornada e agora vai descansar, como merece. Nós, egoístas, queriamos mais da sua presença física, mas nos contentaremos com sua onipresença em nossos corações.

Que Deus te acompanhe vovozinha, e que sua alma nos acalme pra cessar este rio de lágrimas que sua partida nos trouxe. Feliz na nova vida!

Que sorte

Que sorte